Prefeitura de Vinhedo

  • Fazenda

    + Notícias

    Prefeitura implanta mais um avanço tecnológico para agilizar o atendimento nas Centrais SIM

    Ações implantadas em Vinhedo têm chamados a atenção de outros municípios, como da equipe do prefeito de São Paulo, João Dória, que veio conhecer o funcionamento da Central SIM






    DSC_0516

     

    A Prefeitura de Vinhedo acaba de dar mais um passo importante no avanço tecnológico contínuo disponibilizado para o atendimento da população para os mais variados serviços. Nesta semana, a Central SIM que funciona no Atendimento Cidadão da Capela começou a utilizar smartphones para coletar documentos dos munícipes e para fotografar esse material para a integração ao Cadastro Único do Cidadão (CUC). Essa mesma metodologia já tinha sido aplicada na primeira quinzena de janeiro na Central SIM do Centro.

    Através do aplicativo contido no aparelho móvel, o processo de atendimento foi simplificado e se tornou mais ágil e fácil. Antes, para a coleta e arquivamento desses documentos, eram utilizados scanners, nos quais os operadores precisavam não apenas copiar o documento por meio do equipamento, mas também renomear e associar ao registro do munícipe, após a realização do Cadastro Único do Cidadão.

    Com a nova ferramenta, é necessário apenas que o operador localize o munícipe através do aplicativo, selecione quais documentos serão atualizados e, após esta etapa, basta o operador tirar uma foto dos documentos e do munícipe e clicar no botão para enviar essas informações diretamente ao Cadastro Técnico Municipal (CTM), e essas fotos já serão renomeadas e automaticamente associadas a este munícipe.

    Outro componente facilitador com essa tecnologia é que, durante o procedimento, ao localizar o munícipe e seus dados, uma lista com os documentos disponíveis para coleta será exibida e os documentos que o munícipe já possui estarão selecionados na Central SIM, um processo de coleta de informações de última geração, um marco em inovação para o município de Vinhedo.

    Referência

    Por conta desse avanço tecnológico, representantes de outros municípios têm visitado Vinhedo para colher informações. No final do ano passado, a equipe do atual prefeito de São Paulo, João Dória, esteve em Vinhedo para conhecer os serviços oferecidos pela Central SIM e as facilidades que ela proporciona à população, com um atendimento mais ágil e eficiente.

    No final de fevereiro, uma comitiva da cidade de São Sebastião do Paraíso, do Estado de Minas Gerais, composta pelo prefeito, vice-prefeita e secretários municipais, também visitou as instalações da Central SIM para conhecer as funcionalidades do Projeto SIM Vinhedo Digital.

    Por meio da Central SIM, a Prefeitura de Vinhedo proporciona 14 serviços aos vinhedenses, entre eles, o SIM Empresa Fácil que facilita o processo de abertura de empresas, o SIM Educação, o SIM Saúde e o SIM Habitação.

    “Já avançamos muito com esse projeto, mas ainda há muito a evoluir, pois esse trabalho é constante. Hoje somos referência em tecnologia a serviço do cidadão e isso nos deixa orgulhosos. Vamos continuar investindo e buscando parceria para novos projetos”, comentou o prefeito Jaime Cruz.

    Por conta desse trabalho inovador, a Prefeitura e o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações estão dialogando sobre a possibilidade de Vinhedo se tornar município piloto no projeto ‘Internet das Coisas’, em fase de elaboração, que terá investimentos de quase R$ 10 milhões do BNDES.

    O assunto foi tratado em Brasília no dia 10 de fevereiro pelo prefeito Jaime Cruz; o secretário de Negócios Jurídicos, dr. Luiz Fernando Bonesso de Biasi; e o chefe de Gabinete, Eduardo Gurian, em visita à sede do Ministério, em Brasília.

    Durante a visita ao órgão federal, a comitiva buscou formas de a Prefeitura conseguir recursos para investimentos no setor, principalmente na ampliação do Projeto Cidade Digital, que inclusive recebeu muitos elogios do Ministério e foi colocado como referência no Brasil.

    Por conta dos programas já em andamento em Vinhedo, o Ministério se interessou em fazer da cidade uma plataforma em projetos de tecnologia relacionados à Iluminação Pública; Trânsito; Saúde (Vinhedo já avança em projetos como o prontuário eletrônico e computadores interligados nas UBSs), e Educação, com a possibilidade da utilização de tablets em sala de aula.

    DSC_0511