Prefeitura de Vinhedo

  • Saúde

    + Notícias

    Prefeitura e Estado se reúnem nesta sexta-feira para definir detalhes da nova estratégia de vacinação contra a febre amarela

    Cidade registrou um caso da doença em primata; não há registros da doença em humanos no município






    A Prefeitura de Vinhedo, por meio da Secretaria de Saúde, se reunirá nesta sexta-feira, 12, com a regional da Secretaria da Saúde do Estado para definir a nova estratégia de vacinação da população de Vinhedo contra a febre amarela. O encontro ocorrerá após a confirmação de que um macaco encontrado morto em uma área de mata no município contraiu a doença. 

    “No feriado de Tiradentes, nós percorremos o meio rural da cidade de Vinhedo e vacinamos praticamente 2500 pessoas contra a febre amarela. Porém, no final agora de abril, encontramos um macaco morto na zona rural e hoje eu recebi a notícia de que foi confirmado que esse macaco morreu de febre amarela. Por isso já adianto que vamos tomar medidas urgentes. Amanhã cedo a nossa equipe de Vinhedo estará em reunião com a equipe regional de Saúde, porque o Estado vai nos ajudar e nós vamos vacinar toda a população”, comentou o prefeito Jaime Cruz. 

    O prefeito solicita que a população mantenha a calma. “Isso não é motivo de pânico, porém, é preciso tomar a vacina. Então aguarde porque vamos nos organizar para que não haja grandes filas, para que não haja grandes transtornos. Nós vamos resolver de forma tranquila. Não é motivo de pânico, até porque já vacinamos uma grande parcela de Vinhedo. E esse macaco foi encontrado morto com a febre amarela, porém, não temos nenhum caso em Vinhedo em seres humanos comprovado de febre amarela”, completou o prefeito.  

    Até esta semana, a Prefeitura de Vinhedo, por não ter caso registrado na cidade, e por ser considerada pelo Estado como ‘área ampliada’, vacinava às terças e quintas-feiras cerca de 200 pessoas por dia, moradores esses que se dirigiam para áreas com registro da doença. Até o momento, a cidade já vacinou mais de 8200 pessoas neste ano.  

    Assim que for definida a nova estratégia de vacinação, a Prefeitura fará a divulgação para os moradores.