Prefeitura de Vinhedo

  • Regime Estatutário:

    perguntas e respostas
  • Governo

    + Notícias

    Prefeitura de Vinhedo abre consulta pela internet para sugestões à Lei Orçamentária Anual 2018

    Também estão marcadas duas audiências públicas abertas a toda a população para discutir a LOA






    A Prefeitura de Vinhedo disponibilizou a partir desta terça-feira, dia 5, uma ferramenta para que os moradores possam, através da internet, apresentar sugestões à Lei Orçamentária Anual (LOA) 2018, que está em fase de elaboração.

    Para tanto, basta clicar no banner que está na parte superior do site da Prefeitura, com a inscrição ‘Lei Orçamentária Anual – deixe aqui suas sugestões’, e dar sua contribuição, que posteriormente serão analisadas. se preferir, clique aqui. Essa ferramenta ficará disponível até o próximo dia 22.

    “Com essa ferramenta online e com as audiências públicas, de forma democrática e transparente, garantimos a participação popular no processo de construção da Lei Orçamentária Anual. Foi assim com a elaboração do Plano Plurianual 2018/2021, que já foi enviado para análise do Legislativo”, comentou o prefeito Jaime Cruz.

    Além disso, também serão promovidas audiências públicas para discutir a LOA. As datas foram definidas e divulgadas na edição de quinta-feira, 31, do Boletim Municipal.

    As audiências ocorrerão nos dias 15 e 22 de setembro, das 9h às 11h, no Centro de Convivência, na Rua Oswaldo Cruz, 299, no Centro. Em cada audiência, será aberto o cadastramento de até 15 cidadãos, mediante apresentação do Cartão Cidadão, para fins de exposição e questionamento. O tempo de fala será de até 3 minutos por inscrito. Já os vereadores poderão utilizar até 5 minutos.

    Moradores que quiserem participar devem se inscrever na sede da Prefeitura, na Rua Humberto Pescarini, 330, e apresentar o Cartão Cidadão. A LOA é uma lei elaborada pelo Poder Executivo que estabelece as despesas e as receitas que serão realizadas no próximo ano, ou seja, estima as receitas e fixa as despesas do governo para ano subsequente.