Prefeitura de Vinhedo

  • Regime Estatutário:

    perguntas e respostas
  • Meio ambiente e urbanismo

    + Notícias

    Prefeitura reinicia nesta segunda-feira, 13, as reuniões de Revisão do Plano Diretor Participativo de Vinhedo

    Reunião é direcionada aos 97 delegados que fazem parte do processo de revisão






    A Prefeitura de Vinhedo, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo, realiza nesta segunda-feira, 13, a partir das 19h, uma reunião que marcará o reinício dos procedimentos relativos ao processo de Revisão do Plano Diretor Participativo de Vinhedo. O encontro será na sede da Terceira Idade, na Rua Antônio Matheus Sobrinho, 125, no Jardim São Matheus.

    O encontro é direcionado aos 97 delegados que fazem parte da revisão. Na pauta, a apresentação da empresa contratada, a Alto Uruguai Engenharia e Planejamento de Cidades; apresentação do plano de trabalho; metodologia de trabalho; e cronograma de reuniões.

    O processo de Revisão do Plano Diretor de Vinhedo é pautado na sustentabilidade, principalmente no que diz respeito aos recursos hídricos.

    “Essa legislação é importante porque vai definir como e por onde podemos crescer, de forma que o desenvolvimento ocorra com sustentabilidade. A revisão continuará sendo feita de forma democrática e responsável, dando sequência a todo o trabalho que foi realizado no ano passado e projetando de forma responsável o futuro de Vinhedo”, comentou o prefeito Jaime Cruz.

    A previsão é de que o trabalho seja concluído em 24 semanas. Serão realizadas diversas audiências públicas, reuniões técnicas, levantamentos e diagnósticos até que seja redigido o texto final, que será enviado para análise do Legislativo.

    Um dos estudos que fará parte da Revisão do Plano Diretor Participativo de Vinhedo é o Plano de Recursos Hídricos de Vinhedo, de autoria do pesquisador científico do Instituto Agronômico de Campinas (IAC) e consultor técnico Rinaldo Calheiros. O município será o primeiro da região e um dos pioneiros do Brasil nesse tipo de levantamento.

    Esse plano determinará o grau de sustentabilidade e autossuficiência hídrica de Vinhedo, proporcionando um parâmetro-base de programação do desenvolvimento populacional e econômico do município. Esse estudo terá supervisão da equipe da Secretaria de Meio Ambiente.

    O objetivo é estabelecer metas e ações de curto, médio e longo prazo para a melhoria da qualidade e disponibilidade das águas superficiais contidas dentro do território de Vinhedo. Para tanto, estão sendo levantadas informações básicas, tais como caracterização física, socioeconômica, ambiental e dos recursos hídricos; elaboração de prioridades de intervenção nos cursos d’água; elaboração de banco de dados georreferenciado sobre os recursos hídricos, compondo um Sistema de Informações Ambientais Municipal – SIAM.