Prefeitura de Vinhedo

  • Regime Estatutário:

    perguntas e respostas
  • Meio ambiente e urbanismo

    + Notícias

    Prefeito participa da reabertura das reuniões de Revisão do Plano Diretor Participativo de Vinhedo

    O prefeito de Vinhedo, Jaime Cruz, abriu na noite desta segunda-feira, 13, o reinício dos procedimentos relativos ao processo de Revisão do Plano Diretor Participativo de Vinhedo.

    Para os delegados presentes, o prefeito reforçou que a revisão continuará sendo feito de forma democrática e responsável dando sequência ao trabalho que foi realizado no ano passado.

    “Toda a equipe está empenhada nesse processo. Vamos ajustar o que for possível e fazer em Vinhedo o que o município tiver capacidade de suportar. Como já havíamos prometido ao Ministério Público, não vamos retroceder ambientalmente, não esquecendo de priorizar os recursos hídricos. Espero que as ideias possam ser debatidas pensando no crescimento sustentável de Vinhedo”, explicou o prefeito.

    O encontro destinado aos 97 delegados que fazem parte da revisão foi realizado na sede da Terceira Idade, no Jardim São Matheus, teve como pauta a apresentação da proposta de trabalho da empresa Alto Uruguai Engenharia e Planejamento de Cidades.

    A previsão é de que o trabalho seja concluído em 24 semanas. Serão realizadas diversas audiências públicas, reuniões técnicas, levantamentos e diagnósticos até que seja redigido o texto final, que será enviado para análise do Legislativo.

    Um dos estudos que fará parte da Revisão do Plano Diretor Participativo de Vinhedo é o Plano de Recursos Hídricos de Vinhedo, de autoria do pesquisador científico do Instituto Agronômico de Campinas (IAC) e consultor técnico Rinaldo Calheiros. O município será o primeiro da região e um dos pioneiros do Brasil nesse tipo de levantamento.

    Esse plano determinará o grau de sustentabilidade e autossuficiência hídrica de Vinhedo, proporcionando um parâmetro-base de programação do desenvolvimento populacional e econômico do município. Esse estudo terá supervisão da equipe da Secretaria de Meio Ambiente.

    O objetivo é estabelecer metas e ações de curto, médio e longo prazo para a melhoria da qualidade e disponibilidade das águas superficiais contidas dentro do território de Vinhedo. Para tanto, estão sendo levantadas informações básicas, tais como caracterização física, socioeconômica, ambiental e dos recursos hídricos; elaboração de prioridades de intervenção nos cursos d’água; elaboração de banco de dados georreferenciado sobre os recursos hídricos, compondo um Sistema de Informações Ambientais Municipal – SIAM.