Prefeitura de Vinhedo

Transportes e Defesa Social

+ notícias

Lombadas físicas da Estrada da Capela serão substituídas por radares de controle de velocidade

operação tapa-buraco estrada da Capela (3)

Com o objetivo de reduzir os acidentes e de garantir mais conforto aos motoristas que trafegam diariamente pela Estrada da Capela, a Prefeitura de Vinhedo, por meio da Secretaria de Transportes e Defesa Social, vai mudar o sistema de controle de velocidade da via. As lombadas físicas, exceto as que estão próximo ao CIC Eduardo Von Zuben, serão retiradas e a fiscalização passará a ser feita através de radares eletrônicos fixos.

A instalação dos equipamentos já teve início. Serão quatro aparelhos neste momento. Novos estudos técnicos serão realizados para ver se há a necessidade de outros. Atualmente, a velocidade máxima permitida na Estrada da Capela é de 50 km/h, mas o limite a ser imposto através dos radares ainda será definido.

Com a retirada das lombadas, os motoristas não precisarão mais frear e acelerar o carro diversas vezes por conta das lombadas, o que deverá acarretar, inclusive, em redução no consumo de combustível para quem trafega por essa via, já que poderão circular com velocidade constante. Ou seja, as lombadas acabam afetando todos os motoristas, enquanto que o radar punirá apenas aqueles que excederam o limite de velocidade.

A Secretaria de Transportes e Defesa Social também projeta que o percurso dos ônibus pelo local terá melhor fluidez. As lombadas que ficam junto ao CIC Eduardo Von Zuben serão mantidas por conta da travessia de estudantes.

Além desses, outros dois radares estão sendo instalados na Avenida Independência, totalizando seis equipamentos novos. Os aparelhos que estão sendo instalados ainda serão aferidos pelo Inmetro e, antes do início da operação, os motoristas serão avisados com bastante antecedência através de faixas instaladas ao longo das vias.

 

 

Lombada eletrônica do Portal 

A Secretaria de Transportes e Defesa Social da Prefeitura de Vinhedo reinstalou a lombada eletrônica do Portal, que havia sido retirada para ajuste de posicionamento. A Prefeitura avalia a possibilidade de elevar a velocidade máxima do equipamento para 40 km/h.

O equipamento ainda passará por nova aferição, que ainda não tem data definida. Também neste caso, antes do início do funcionamento, os motoristas serão comunicados com bastante antecedência.

O equipamento naquele local se faz necessário para evitar colisões mais à frente, onde há o cruzamento com motoristas que chegam pela Estrada da Boiada no sentido Valinhos/Portal e que cruzam o Portal pela rotatória ali existente em direção ao Jardim Itália.