Prefeitura criará grupo de trabalho para analisar situação de moradores de área localizada entre Vinhedo e Louveira – Prefeitura de Vinhedo

Prefeitura de Vinhedo

  • Lei Orçamentária Anual (LOA) 2019:

    clique aqui e participe
  • Negócios Jurídicos

    + notícias

    Prefeitura criará grupo de trabalho para analisar situação de moradores de área localizada entre Vinhedo e Louveira

    A Prefeitura de Vinhedo está atenta à situação de moradores de uma área junto ao município de Louveira. O caso vem sendo acompanhado desde dezembro e agora será analisado por um grupo de trabalho cuja implantação foi determinada pelo prefeito Jaime Cruz, envolvendo as secretarias municipais de Negócios Jurídicos e de Obras.

    “Estamos atentos a essa situação. Nossa preocupação é com as pessoas que lá residem, e também que seja feito aquilo que é correto. Esperamos que esse impasse resolvido o mais rápido possível”, destacou o prefeito Jaime Cruz.

    Na manhã da última sexta-feira, 6, o prefeito Jaime Cruz recebeu no Gabinete a visita do agricultor Roberto Omizzolo e do ex-vereador de Louveira, Estanislau Steck, ambos residentes naquela região, onde se discute ao qual município pertence. Proprietários de imóveis na localidade, eles vieram a Vinhedo representando também outros moradores para explicar a situação que estão enfrentando.

    Também participaram da reunião os secretários municipais de Negócios Jurídicos, Luiz Fernando Bonesso de Biasi, e de Obras, Renato Shishido.

    Conforme explicou o secretário Luiz Fernando Bonesso de Biasi, a Prefeitura de Vinhedo já solicitou ao Instituto Geográfico e Cartográfico do Estado de São Paulo (IGC) um mapeamento atualizado por georreferenciamento para definir com exatidão a divisa entre os dois municípios nessa área em questão.

    Essa situação está em análise desde dezembro, quando a Prefeitura de Louveira enviou ofício à Prefeitura de Vinhedo acerca das divisas territoriais, informando uma relação de pessoas que não mais teriam acesso aos serviços públicos no município vizinho por, segundo eles, estarem na área de Vinhedo.

    Os moradores, no entanto, entendem que estão em Louveira e lutam para que sejam reconhecidos como moradores de lá, até por estarem mais próximos daquela cidade, tanto que ingressaram com uma ação na Justiça que, inclusive, de forma liminar, no final de março, determinou que o município vizinho volte a permitir a um grupo de moradores que tenham acesso aos serviços públicos lá oferecidos.