Prefeitura de Vinhedo

  • Lei Orçamentária Anual (LOA) 2019:

    clique aqui e participe
  • Atenção domiciliar, psicossocial, básica e de urgência e emergência

    A Prefeitura de Vinhedo, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, desenvolve diversos programas com a finalidade de levar a saúde para perto do cidadão e dar ao profissional da Rede Municipal de Saúde a especialização necessária para que ele possa exercer seu trabalho com mais qualidade.

    Os programas englobam várias ações e atenção básica, domiciliar, psicossocial, de urgência e emergência. Conheça cada uma delas:

    Unidades Básicas de Saúde (UBS)

    São as unidades em que é possível agendar consultas e atendimentos básicos e gratuitos em pediatria, ginecologia, clínica geral, entre outros. Acesse as especialidades de cada UBS de Vinhedo clicando aqui.

    Atendimento de urgência e emergência

    É feito pela Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) e o Pronto-Atendimento (PA) da Capela, com atendimento 24 horas, todos os dias da semana. Se necessários exames complementares, internação ou procedimentos cirúrgicos, o paciente é encaminhado pela UPA ou PA por meio de ambulâncias e UTIs móveis à Santa Casa ou Hospital e Maternidade Galileo.

    Centro de Atenção Psicossocial de Vinhedo (CAPS)

    Criado em 1999, é um serviço de saúde mental da Prefeitura que oferece gratuitamente tratamento para pessoas que apresentam transtornos mentais severos e persistentes. O objetivo do Centro é buscar a diminuição das internações psiquiátricas e a reabilitação psicossocial, além de resgatar a identidade dos pacientes, para que estes possam desempenhar o seu papel enquanto cidadão.

    Centro de Especialidades Odontológicas (CEO)

    Centraliza em um único local as especialidades de endodontia (canal), tratamento de próteses, ortodontia preventiva (programa de maluclusão destinado às crianças com idade pré-escolar), cirurgia oral menor e tratamento de pacientes especiais.

    Programa Vinhedo Desenvolvendo Ações de Saúde (VIDAS)

    Criado em 2009, contempla ações que visam melhorar o atendimento à população que procura os serviços oferecidos gratuitamente, desde acompanhamento médico, odontológico e nutricional, até atividades educativas em vários segmentos e nas diversas faixas etárias para atender desde o recém-nascido até idoso.

    A área técnica que cuida da saúde da criança, por exemplo, implanta ações para atender integralmente a saúde da criança de zero a nove anos. As ações de promoção à saúde, prevenção de agravos e de assistência à criança pressupõem o compromisso de prover qualidade de vida para que ela possa crescer e desenvolver todo o seu potencial.

    A linha de cuidados engloba atenção à saúde do recém-nascido; promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno; incentivo e qualificação do acompanhamento do crescimento e desenvolvimento; vigilância da mortalidade infantil e fetal; prevenção de violências.

    Entre as atividades desenvolvidas também se destaca o de promoção de saúde escolar, realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e que abrande triagem fonoaudióloga e oftalmológica, saúde bucal dos estudantes com entrega de kit de escovação dentária; avaliação nutricional, teatro educativos de temas variados, entre outros, adequados às diferentes faixas de atendimento (educação infantil, ensino fundamental e Educação de Jovens e Adultos).

    Programa Mamãe-Bebê

    A Prefeitura faz um trabalho diferenciado de assistência às mães e aos recém-nascidos de Vinhedo por meio desta ação, que tem o objetivo de reduzir a taxa de mortalidade materno-infantil, levar conscientização e explicação sobre a importância da amamentação, diminuir o desmame precoce e acompanhar o desenvolvimento do bebê nos primeiros dias de vida e a mãe após o parto.

    A equipe é formada por enfermeiras e técnicas em enfermagem, que fazem uma avaliação da saúde do bebê, realizando a sua classificação de risco e prestam às mães as primeiras orientações sobre amamentação, ainda na Santa Casa de Vinhedo.

    Neste trabalho a Prefeitura também faz a aplicação das primeiras vacinas, BCG e Hepatite B e os testes do pezinho, olhinho, orelhinha e coraçãozinho, gratuitos. A equipe de saúde da Prefeitura também realiza, na alta hospitalar, o agendamento da primeira consulta do bebê ao pediatra da Rede Municipal de Saúde até dez dias após o nascimento e da mãe ao ginecologista até 40 dias depois do parto.

    Já em casa, a mãe e o bebê recebem visitas domiciliares de acompanhamento para uma nova avaliação das condições de saúde.

    Ambulatório de recém-nascido de risco

    É um programa criado para atender recém-nascidos com prematuridade ou doenças de base, como cardiopatia, neuropatia, pós-cirúrgicos graves. Os casos são encaminhados pela equipe do programa Mamãe-Bebê logo na alta hospitalar para que o bebê receba acompanhamento de pediatras no Centro Médico, que fica no Jardim São Matheus.

    Redução da mortalidade infantil

    A redução frequente nos índices de mortalidade infantil em Vinhedo foi um dos critérios analisados pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) para elevar o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) e colocar a cidade na 13ª colocação, com a melhor em qualidade de vida entre os 5.565 municípios brasileiros.

    Segundo dados que constam no Atlas de Desenvolvimento Humano no Brasil – 2013, a mortalidade infantil (mortalidade de crianças com menos de um ano) em Vinhedo reduziu 27%, passando de 15,1 por mil nascidos vivos em 2000 para 10,9 por mil nascidos vivos em 2010. Em 2010, as taxas de mortalidade infantil do Estado de São Paulo e do País eram, respectivamente, 13,9 e 16,7 por mil nascidos vivos. Segundo os objetivos de desenvolvimento do milênio da Organização das Nações Unidas (ONU), a mortalidade infantil deve estar abaixo de 17,9 óbitos por mil em 2015 em todos os municípios brasileiros.

    De acordo com estudo da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade), com base nas informações colhidas em Vinhedo entre 2007 e 2011, a taxa de mortalidade infantil recuou ainda mais, de dez óbitos infantis por mil nascidos vivos em 2010 para 6,7 em 2011.

    Saúde do adolescente

    A área técnica da saúde do adolescente se encarrega da promoção, proteção e recuperação da saúde de jovens e adolescentes, com seguimentos de dados sobre crescimento e desenvolvimento, saúde sexual e reprodutiva, redução de mortalidade por violência e acidentes.

    Entre os projetos, a Secretaria Municipal de Saúde desenvolve estão orientações sobre sexualidade e gravidez na adolescência e informações sobre as doenças sexualmente transmissíveis, levando palestras – também – as escolas municipais, direcionadas aos alunos dos 8º e 9º anos do ensino fundamental II.

    Saúde da mulher 

    Os programas são realizados para repercutir na saúde da mulher, especialmente nas ações referentes à redução da mortalidade materna, ao planejamento reprodutivo, humanização e qualificação da atenção obstétrica.

    A linha de cuidados da Rede Municipal de Saúde de Vinhedo propõe melhoria na qualidade do pré-natal, redução da mortalidade materna, planejamento familiar, prevenção e detecção precoce do câncer do colo do útero, com realização mensal do mutirão de papanicolau; prevenção e detecção precoce do câncer de mama, eventos educativos para mulheres e parceiros, ambulatório de pré-natal de risco e implantação do projeto Rede Cegonha, do governo federal, implantado em Vinhedo para garantir às mulheres e às crianças assistência e humanização de qualidade.

    Na cidade, a Prefeitura ainda criou o Centro de Atenção à Saúde da Mulher (Casm), no qual a modora recebe um atendimento diferenciado. É um local de acolhimento destinado a atender com qualidade todas as necessidades das pessoas do sexo feminino do município, com consultas ginecológica e de obstétrica, de pré-natal (incluindo de média complexidade), exames (como colposcopia, vulvoscopia, ecografias mamária, pélvica e abdominal), atendimento psicológico e nutricional.

    O Casm também acolhe mulheres vítimas de violência. No local é oferecida toda assistência necessária e sigilosa às mulheres que necessitem de intervenção ginecológica, atenção social e psicológica com a ajuda de profissionais capacitados.

    Saúde do homem

    Para facilitar e ampliar o acesso de homens aos serviços de saúde, a Secretaria de Municipal Saúde também desenvolve programas para este grupo específico, como resposta à observação de que doenças que afetam o sexo masculino é um problema de saúde pública.

    Além de criar mecanismos para melhorar a assistência oferecida a esta população, a meta é promover uma mudança de cultural promovendo ações educativas, desenvolvendo ações de prevenção e detecção precoce do câncer de próstata, mutirão para coleta de PSA (Antígeno Prostático Específico), exame de sangue que auxilia no diagnóstico de câncer de próstata.

    Saúde do idoso

    A linha de cuidados da Rede Municipal de Saúde garante atenção integral à saúde da população idosa, com ênfase no envelhecimento saudável e ativo.

    As ações da Secretaria Municipal de Saúde propõem o atendimento de aspectos específicos da saúde da pessoa idosa, com a identificação de situações de vulnerabilidade social, a realização de diagnóstico, avaliação da capacidade funcional, etc.

    Programa DST/Aids 

    É um dos grandes destaques da Rede Municipal de Saúde. É desenvolvido para reduzir a incidência do HIV/Aids e melhorar a qualidade de vida das pessoas que vivem com a doença.

    Nos últimos anos foram definidas diretrizes para melhorias da qualidade dos serviços públicos oferecidos às pessoas portadoras de doenças sexualmente transmissíveis, redução na transmissão, aumento da cobertura das ações de prevenção à população com maior vulnerabilidade. A Prefeitura mantem o programa no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), que fica na UBS Casa Verde.

    Entre as atividades desenvolvidas há ações voltadas para redução da transmissão de sífilis congênita, oferta de testes rápidos de HIV, exames de sífilis e hepatite, além de mutirões de prevenção e detecção precoce de doenças infectocontagiosas.

    Controle de diabetes e hipertensão 

    O programa de Controle da Hipertensão Arterial e Diabetes também é desenvolvido na Rede Municipal de Saúde, com ações que vão desde a capacitação da equipe médica para o atendimento básico e de especialidades, até atividades para prevenção destas doenças, com o desenvolvimento de semanas de orientações e ações educativas, voltada para a faixa etária adulta e idosa.

    Programa de Atenção Multidisciplinar Domiciliar (PAMDa)

    Oferece atendimento em casa a pacientes acamados (independente da idade) e que não conseguem se deslocar até a unidade de saúde para receberem atendimento médico, por apresentarem problemas de locomoção física ou em decorrência de problemas de saúde.

    Para fazer parte do programa, o responsável pelo paciente deve se dirigir à UBS mais próxima e informar os dados da pessoa que necessita deste atendimento em casa. A equipe multidisciplinar do PAMDa é formada por médicos, assistente social, enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogos, fonoaudiólogos, dentistas, fisioterapeutas e nutricionistas.

    Dados dos atendimentos

    A Secretaria Municipal de Saúde divulga várias informações que são de interesse em relatórios quadrimestrais.

    Apresentados em audiências públicas, estes documentos contêm os números mensal de consultas realizadas, de inspeções mensais e autos de infração, além de outros dados relevantes, incluindo atividades promovidas e, ainda, os relacionados à dengue (por bairro e região), com números de casos por tipo de contaminação e número de visitas feitas às residências com alerta.

    Programa “Mais Médicos”

    Esta é uma política de saúde do governo federal. O principal objetivo deste programa é levar mais médicos às regiões nas quais haja escassez ou ausência destes profissionais, especialmente no interior do País e nas regiões mais afastadas dos grandes centros urbanos.

    Vinhedo, porém, ocupa uma posição geográfica muito privilegiada, estando inserida na Região Metropolitana de Campinas (RMC). Portanto, é uma cidade que fica próxima aos grandes centros universitários, bem como é um município de fácil acesso, também, para os profissionais de São Paulo. Seguindo este perfil o município não se enquadra no perfil estabelecido pelo programa do governo federal e, portanto, não efetuou adesão ao “Mais Médicos”.

    O município também efetuou investimentos na contratação de profissionais médicos, numa evolução bastante significativa ao longo dos últimos anos: em 2011, com 95 profissionais médicos atuantes em sua rede municipal; em 2012, com 143 profissionais; em 2013, com 151 profissionais; em 2014, com 149 profissionais; e em 2015, quando registrou 177 profissionais médicos atuantes na Rede Municipal de Saúde.

    Outros arquivos

    Portaria nº 727/2014 Dispõe sobre a nomeação de Comissão Especial para realização dos trabalhos do chamamento público visando o credenciamento e habilitação de instituições hospitalares à prestação de serviços médicos de média e alta complexidade.

    Calendário de eventos

  • dom seg ter qua qui sex sáb
    1
    2
    3
    4
    5
    6
    7
    8
    9
    10
    11
    12
    13
    14
    15
    16
    17
    18
    SAV – SALÃO DE ARTES VISUAIS DE VINHEDO 2018
    SAV – SALÃO DE ARTES VISUAIS DE VINHEDO 2018 @PISO INFERIOR DO TEATRO MUNICIPAL
    set. 18 – out. 11 dia inteiro
    * CENTRO DE EXPOSIÇÕES E GALERIA DE ARTES  – Edilson Caldeira * De Segundas ás Sextas das 9h00 às 17h00 * Sábados das 09h00 às 12h00
    19
    20
    21
    22
    FESTA DA PRIMAVERA 11:30
    FESTA DA PRIMAVERA @FESTA DA PRIMAVERA
    set. 22@11:30 – 15:00
    * PROGRAMAÇÃO 12h00  – COROAÇÃO DA RAINHA E DO REI DA FESTA * APRESENTAÇÃO DAS DANÇAS 12h30 1ºA, 1ºB e 3ºA – Sete 1ºA, 1ºB, 2ºA e 2ºB – Arco – íris 1ºA, 1ºB, 2ºA, … Continuar lendo FESTA DA PRIMAVERA
    23
    24
    25
    26
    27
    28
    THE BLACK CIRCUS
    THE BLACK CIRCUS @Frente à Escola SESI
    set. 28 – nov. 11 dia inteiro
    29
    30
    FESTIVAL DE KARATÊ 08:00
    FESTIVAL DE KARATÊ @PARQUE MUNICIPAL JAYME FERRAGUT
    set. 30@08:00 – 13:00
    *CRONOGRAMA 8h00 – CHEGADA DOS ATLETAS 8h30 – CERIMÔNIA DE ABERTURA 9h00 – INÍCIO DO FESTIVAL *PREMIAÇÃO Todos os atletas receberão medalhas de participação!
  • banner banner banner banner