Prefeitura de Vinhedo

  • CONCURSO PÚBLICO PARA 158 VAGAS:

    CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE
  • Assistência Social

    + notícias

    Prefeitura muda local de atendimento para moradores que fazem parte do Cadastro Único e estão inseridos em programas sociais

    A Prefeitura de Vinhedo, por meio da Secretaria de Assistência Social, passará a atender os beneficiários dos programas sociais em novo local. O Cadastro Único, feito anteriormente nos postos fixos do CRAS, será realizado a partir do dia 2 de março na Rua Osvaldo Cruz, 299 – Centro de Convivência e sede da pasta -, por ordem de chegada com distribuição de senhas.

    “As famílias de baixa renda têm suporte com vários programas sociais. Nós, enquanto Administração Municipal, fazemos o cadastro e identificamos as pessoas aptas a receber benefícios. Essas mudanças estão ocorrendo para otimizar o atendimento aos beneficiários, que antes funcionava por agendamento e muitas pessoas faltavam”, destacou o prefeito Jaime Cruz.

    As mudanças trarão benefícios imediatos para a população, como a possibilidade de escolha do melhor dia e horário para realizar seu cadastro, de acordo com sua disponibilidade pessoal, antes feito por agendamento, ocasionando diversas faltas; rapidez e agilidade no atendimento; busca ativa das famílias, promovendo menor deslocamento e maior proximidade da equipe com a realidade local.

    O acesso às informações do seu benefício será feito de forma rápida, considerando que o Posto Fixo de Atendimento e setor de Gestão de Benefícios estarão no mesmo espaço físico, e ainda, a emissão e entrega imediata da Carteira do Idoso, sem necessidade de retornar ao CRAS, para retirada deste e de outros documentos.

    As informações contidas no Cadastro Único são utilizadas para identificar e selecionar beneficiários para os programas sociais oferecidos pelo Governo Federal, Estadual e Municipal. Ao município compete a responsabilidade de identificar e localizar as famílias, coletar os dados e realizar a manutenção das informações adquiridas, atualizando-as quando necessário.

    A regra para acesso ao Cadastro Único é de até meio salário mínimo por pessoa e três salários mínimos de renda mensal total. Os benefícios disponibilizados pelo Governo compreendem: o Programa Bolsa Família; Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC/LOAS); Renda Cidadã; Ação Jovem; Viva Leite; Isenção de pagamento de taxas em concurso públicos; Tarifa de Energia Elétrica; Carteira do Idoso; ID Jovem; Programa Minha Casa minha Vida; Cadastro Habitacional do município; Cadastro Saúde (para aquisição de medicamentos e outros – Lei municipal) e Benefícios eventuais da Assistência Social (Lei 3663 – Municipal).