Ir para o conteúdo

Prefeitura de Vinhedo e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Vinhedo
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Rede Social Whatsapp
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
AGO
20
20 AGO 2021
MEIO AMBIENTE
Laudo ambiental indica mais uma árvore com risco de queda na Praça de Sant’Ana
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO
Espécime Ficcus benjamim sofreu processo natural de degradação ambiental e apresenta risco aos frequentadores da praça
A Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo divulgou nesta sexta-feira (20) o laudo ambiental que indica que mais um exemplar Ficcus benjamin da Praça de Sant’Ana  poderá ser removido por apresentar risco de queda. É o segundo exemplar da mesma espécie que vem sofrendo o processo natural de degradação e envelhecimento na praça.

“As árvores da praça são bem antigas e ​já apresentam, desde o ano passado, sinais de doença e envelhecimento, como apodrecimento do caule, diminuição da copa, aparecimento de pintas, mudança de cor nas folhas e a entrada de insetos e microorganismos que danificam o tronco e a base, elevando os riscos de queda”, explicou a diretora de Meio Ambiente, a engenheira ambiental, Lívia Barreto.

Para informar a população sobre  o estado fitossanitário da árvore, a Secretaria preparou uma faixa para ser instalada no local que explica, de forma didática, o processo de envelhecimento e os riscos de queda, deixando os canais de comunicação abertos para quem quiser obter mais informações.

As árvores que compõe a arborização urbana são monitoradas pela Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo e pela Secretaria de Serviços Municipais constantemente. O corte de exemplar arbóreo só é feito quando apresentam risco à vida humana e ao patrimônio.

A Secretaria também estuda um projeto  em parceria com a Secretaria de Cultura para aproveitamento das  madeiras extraídas das remoções, para a criação de peças de artesanato para perpetuar a história das árvores removidas, além da criação de um novo projeto paisagístico para revitalização da praça, com o plantio de espécies mais adequadas para o local. 
 
Autor: Ana Cândida Briski
Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia