Ir para o conteúdo

Prefeitura de Vinhedo e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Vinhedo
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Rede Social Whatsapp
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
19
19 OUT 2021
SAÚDE
Vinhedo realiza mutirão de segundas doses de Pfizer para maiores de 18 anos com primeira dose aplicada até 29 de setembro
PROCESSANDO ÁUDIO
Prazo para tomar a segunda dose da Pfizer foi antecipado pelo governo estadual para 21 dias; adolescentes de 12 a 17 anos devem esperar 8 semanas
A Secretaria de Saúde de Vinhedo realiza de quarta-feira (20) a sábado (23) um mutirão de vacinação de segundas doses para moradores com mais de 18 anos que receberam a primeira dose da vacina Pfizer até o dia 29 de setembro, sem necessidade de agendamento. Basta comparecer ao polo de vacinação do Espaço da Terceira Idade, na Rua Antônio Matheus Sobrinho, 278, no bairro São Matheus na quarta, quinta e sexta-feira das 7h30 às 18h30 e no sábado das 7h30 às 12h. O mutirão também vale para segundas doses atrasadas de Coronavac e Astrazeneca.

O prazo para tomar a segunda dose da Pfizer foi antecipado pelo governo estadual para 21 dias a partir da primeira dose para moradores com mais de 18 anos. A antecipação atende às determinações do fabricante da vacina. Moradores com idade de 12 a 17 anos devem esperar 8 semanas para receber a segunda dose da Pfizer.

O prazo do retorno para a segunda dose da Pfizer para maiores de idade havia sido antecipado de 12 para 8 semanas e agora foi antecipado para 21 dias. “A população pode ficar tranquila porque essas antecipações estão de acordo com o calendário da fabricante da Pfizer, que determina que a segunda dose pode ser tomada a partir de 21 dias”, explicou o secretário de Saúde, Milton Ribolli.

Segundo Ribolli, por dúvida ou desconhecimento, os moradores estão deixando de antecipar o retorno para a segunda dose da Pfizer, como determinou o governo estadual. Pessoas que tomaram a vacina em julho e agosto e já poderiam ter tomado a segunda dose ainda não retornaram para recebê-la. “Reforçamos que é absolutamente seguro tomar a segunda dose em 21 dias, sendo que apenas os adolescentes ainda terão que esperar 8 semanas”, enfatizou Ribolli.
 
 
Outras vacinas

Moradores que já deveriam ter recebido a segunda dose de Coronavac (28 dias após a primeira dose) e, Astrazeneca (84 dias após a primeira dose), mas ainda não se vacinaram, também devem procurar o polo  de vacinação para regularizar a situação vacinal. Nesse período, a vacinação será por livre demanda para segundas doses atrasadas, basta comparecer com o cartão de vacinação para receber a dose, sem necessidade de agendamento.

“É muito importante que os moradores estejam atualizados com o esquema de vacinação para evitar a contaminação. Por isso vamos receber essas pessoas que precisam se vacinar, entre os dias 18 e 22 deste mês, sem que seja necessário agendar, para regularizar a situação vacinal da nossa população. A vacina é o recurso mais eficiente de que dispomos para evitar casos graves da doença e mortes”, disse o secretário de Saúde, Milton Ribolli.

O que levar

Para receber a primeira dose, o morador deve levar o comprovante do agendamento, documento com foto, CPF e comprovante de endereço no nome da pessoa a ser vacinada ou Cartão Cidadão. Quem tem o Cartão Cidadão não precisa levar CPF nem comprovante de endereço. Na segunda dose, tem que levar documento com foto, comprovante de endereço no nome da pessoa a ser vacinada ou Cartão Cidadão e o comprovante da primeira dose.

 
Autor: Silvana Guaiume
Secretarias Vinculadas
Seta
Versão do Sistema: 3.1.7 - 02/12/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia