Ir para o conteúdo

Prefeitura de Vinhedo e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Vinhedo
Acompanhe-nos:
Rede Social Agenda
Rede Social Whatsapp
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
SET
15
15 SET 2022
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Vinhedo oferece abrigo sigiloso a mulheres vítimas de violência
enviar para um amigo
receba notícias
Programa Acolhe, parceria com o Instituto Avon, abriga mulher e até três acompanhantes (dependentes) de qualquer idade e sexo por quinze dias
Mulheres em situação de violência doméstica em todas as suas formas, violência física, psicológica, patrimonial, sexual e moral, passam a ter um novo serviço de proteção, de caráter sigiloso, em Vinhedo.  A Prefeitura aderiu, no mês passado, ao Programa Acolhe, parceria do Governo do Estado de São Paulo com o Instituto Avon, que beneficia municípios da Região Metropolitana de Campinas (RMC). O programa oferece hospedagem e alimentação para mulher com até três acompanhantes (dependentes) de qualquer idade e sexo por quinze dias.
 
O programa, sem custos para a cidade, busca garantir a segurança das mulheres vítimas de violência doméstica para que elas possam ser acolhidas e cuidadas. Profissionais do Centro de Referência Especializada de Assistência Social (CREAS) e da Delegacia da Mulher passaram por treinamento para realizar os encaminhamentos conforme os critérios do programa.
 
A adesão de Vinhedo aconteceu após a Reunião da Câmara Temática de Políticas Públicas para Mulheres, na Agência Metropolitana de Campinas (Agemcamp), em agosto, quando o programa foi apresentado aos representantes das cidades da RMC. “É importante ressaltar que o Programa Acolhe não tem número de vagas pré-definido e não gera nenhum custo ao município”, afirmou a secretária de Assistência Social e Cidadania, Cristina Mazon.
 
A secretária explicou que a mulher vítima de violência em Vinhedo deve acionar a Rede de Proteção, no CREAS ou Delegacia da Mulher, para solicitar ingresso no Programa Acolhe. O técnico de referência do serviço fará o contato e encaminhará a vítima para a Rede Accor de Hotéis,  credenciada pelo Instituto Avon nas cidades da região. Enquanto estiver acolhida, a mulher e seus dependentes receberão apoio de assistentes sociais e psicólogos do Instituto Avon e da Secretaria de Assistência Social e Cidadania do município.
 
Autor: Silvana Guaiume
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia