Ir para o conteúdo

Prefeitura de Vinhedo e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Vinhedo
Acompanhe-nos:
Rede Social Agenda
Rede Social Whatsapp
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
21
21 NOV 2022
DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO
Projeto Agro BR abre portas para exportação de produtores rurais e de alimentos de Vinhedo
enviar para um amigo
receba notícias
Programa oferece atendimento gratuito a agricultores, cooperativas e agroindústrias iniciarem ou ampliarem vendas internacionais
Produtores rurais e de alimentos de Vinhedo têm uma porta aberta para entrar com mais facilidade no caminho das exportações através do projeto Agro BR, parceria da Confederação Nacional da Agricultura (CNA) com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e investimentos (ApexBrasil). O programa oferece atendimento gratuito para que produtores rurais, agroindústrias e cooperativas, principalmente pequenos e médios, possam iniciar ou ampliar as vendas nos mercados internacionais.
 
“Temos excelentes experiências de empresas de Vinhedo que fizeram parte de programas de exportações e hoje vendem seus produtos com sucesso no mercado internacional. Vinhedo tem um parque produtivo diversificado e mais de 20% das empresas vinhedenses são exportadoras, o maior índice da RMC. Agora os produtores rurais e as agroindústrias podem receber capacitação com o Agro BR para também exportar, gerar mais renda, riqueza e empregos”, disse o prefeito Dr. Dario Pacheco.
 
A adesão ao programa é simples e pode ser feita diretamente no site https://cnabrasil.org.br/projetos-e-programas/agro-br, clicando no botão “Participe do Agro.BR”. O interessado preenche um formulário que será avaliado pelos consultores do projeto. Segundo a consultora de fomento à exportação do Projeto Agro BR, responsável pelos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, Ana Lucia Parente, o atendimento é feito de acordo com a análise da maturidade exportadora da empresa.
 
Empresas que ainda não possuem experiência em comércio exterior são orientadas para capacitação no Programa de Qualificação para Exportação (Peiex), da ApexBrasil. Caso seja necessário aprimorando técnico, a empresa é direcionada para o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).  Empresas que já exportam pequenos volumes recebem atendimento para ampliar as vendas para o exterior. As exportadoras já consolidadas têm oportunidade de abrir novos mercados.
 
Todos os atendimentos são gratuitos e têm como proposta ampliar as exportações por pequenas e médias empresas, e a diversificar a pauta de produtos de exportação. Segundo Ana Lucia, o Agro BR já está no segundo convênio. “O convênio anterior foi encerrado em julho passado e foi bastante exitoso, inclusive ficou em terceiro lugar no prêmio do WTPO Awards 2022, como uma das melhores práticas de comércio internacional”, afirma.
 
A consultora explica que, em Vinhedo, o Agro BEr abrange desde a agricultura local, baseada principalmente na fruticultura, produtos derivados, inclusive vinhos, até as agroindústrias, de qualquer tamanho.
 
Peiex
 
Vinhedo firmou um convênio em fevereiro do ano passado com o Núcleo Operacional de Campinas do Peiex para fomentar e ampliar a exportação de indústrias de todos os tipos na cidade. Desde então, até outubro deste ano, 14 empresas aderiram ao projeto para desenvolver seus planos de exportação de acordo com o perfil de cada uma delas. O Agro BR, voltado para a agropecuária e manufatura de alimentos, é mais um braço da Apex para ampliar as exportação.
 
Diferentes atividades
 
O projeto Agro BR contempla diferentes atendimentos às empresas, como elaboração do portfólio digital em cinco idiomas, publicação na vitrine virtual, participação em eventos de promoção comercial como rodadas de negócios, missões empresarias e feiras, além do apoio dos escritórios da CNA no exterior, localizados em Dubai, Xangai e Singapura, e o atendimento direto com o consultor da região.
 
A CNA e a Apex-Brasil trabalham junto a empreendedores rurais de todos os tamanhos na missão de levar seus negócios para novos clientes e novas realidades. O programa promove iniciativas direcionadas para negócios em qualquer etapa do caminho da exportação. Isso inclui sensibilização, capacitação, apoio em plano de exportação, consultoria personalizada, participação em rodadas de negócios e suporte em escritórios no exterior.
 
Três pilares
 
A Superintendência de Relações Internacionais da CNA desenvolve ações para fortalecer a projeção internacional do agronegócio brasileiro e ampliar o acesso a mercados. A atuação é baseada em três pilares: Inteligência Comercial, Negociações Internacionais e Cooperação Internacional.
 
A área de Inteligência Comercial prepara análises e estudos de estatísticas e conjuntura de comércio exterior, impactos de acordos de integração regional e de livre comércio, tendências de consumo, ambiente competitivo e oportunidades de negócios em mercados importadores de produtos agrícolas.
 
A área de Negociações Internacionais acompanha as negociações de acordos comerciais internacionais, acordos sanitários e fitossanitários, contenciosos agrícolas e deliberações em fóruns bilaterais e multilaterais, como a Organização Mundial do Comércio (OMC), Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). Monitora e identifica barreiras tarifárias e técnicas e as legislações nos países importadores.
 
A Cooperação Internacional é responsável por prospectar oportunidades de cooperação técnica e financeira com agências nacionais e estrangeiras, representações diplomáticas, organismos internacionais, bancos de desenvolvimento, fundos, entidades privadas e do terceiro setor, entre outras instituições.
 
Depoimentos
 
Agente de Exportação Vinícola Garibaldi, Maria Inês Munari Balsan
“Os primeiros contatos foram positivos e, provavelmente, vão nos trazer parcerias muito boas de vendas online e de distribuição local. O controle do Programa e o contato da China nos facilitou bastante e está sendo uma ótima oportunidade participar”.
 
Gerente de Exportação Laticínios Tirolez, Paulo Hegg
"É importantíssimo contarmos com o apoio local de brasileiros que procuram fazer a ponte entre nossos produtos e o mercado internacional. O programa é fundamental para encararmos um desafio desses”.
 
Autor: Silvana Guaiume
Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia