Ir para o conteúdo

Prefeitura de Vinhedo e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura de Vinhedo
Acompanhe-nos:
Rede Social Transparência
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Rede Social Whatsapp
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
AGO
07
07 AGO 2023
SAÚDE
Prefeitura inaugura primeiro Caps Infantojuvenil
enviar para um amigo
receba notícias
Vinhedo tem demanda de 60 pessoas na expectativa pelo atendimento
Com muita festa e discursos emocionados a Prefeitura de Vinhedo inaugurou, no último sábado, 5 de agosto, sua primeira unidade do Caps i - Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil. Chamado de Casa Arco-íris, o espaço, a cargo da Secretaria Municipal de Saúde e localizado na Estrada da Capela, vai oferecer atendimento qualificado para crianças e adolescentes, com até 18 anos de idade incompletos, que residam em Vinhedo, e que apresentem intenso sofrimento psíquico decorrente de transtornos mentais graves e persistentes.

Além do prefeito de Vinhedo, Dr. Dario Pacheco, e de vários secretários municipais, também estiveram presentes a deputada estadual Andréa Werner e o promotor de justiça, José Claudio Tadeu Báglio, e os vereadores Paulinho Palmeira (presidente da Câmara), Inês Diogo, Nayla de Souza, Pastor Léo, Rodrigo Luglio. Tiago de Paula e Val Souza.

Logo no começo da cerimônia, coube ao prefeito fazer a entrega simbólica das chaves para a equipe gestora que estará a frente dos serviços, com a coordenação da psicóloga Julia Ritez Martins, que já responde como gerente de do Serviço de Saude Mental de Vinhedo.

É dela, inclusive, a previsão de uma demanda e 60 pessoas, entre crianças e adolescentes, na expectativa pelo início do atendimento. Embora, cada caso, de forma individual, passará pela triagem, entre as equipes do Caps i e do Serviço Ambulatório, da própria secretaria, para determinar e classificar as prioridades e depois encaminhar o paciente.

Serviço acolhedor

O novo Caps i terá atendimento individual ou em grupo, atividades para a família, visita domiciliar, atividades articuladas com escola e outras instituições. Os usuários serão admitidos no serviço pelo acolhimento realizado de segunda a sexta-feira, das 11h às 14h, e provém de demanda espontânea ou encaminhamentos. Para inaugurar o local, a Prefeitura de Vinhedo fez um investimento pouco acima de R$ 650 mil, sendo preparadas 10 salas de atendimento, além de uma sala de reuniões, refeitório e recepção, e espaços lúdicos.

A implantação do espaço cumpre ainda o determinado pela Portaria nº 336, de fevereiro de 2002, do Governo Federal, que aponta a necessidade de municípios, com população acima de 70 mil habitantes, terem Centro de Atenção Psicossocial exclusivamente para a acolhida de crianças e adolescentes.

‘‘Claro que venho para comemorar e cumprimentar a administração pública por entender e atender essa demanda. Vinhedo, mais uma vez, mostra sua vertente acolhedora, cuidando de pessoas e essa era uma demanda urgente que vai reverter em qualidade de vida para as crianças que aqui chegarem’’, destacou o promotor José Claudio Báglio.

Já a deputada Andrea Werner também destacou a vocação da cidade nos serviços de qualidade aos que mais precisam e lembrou que escolheu Vinhedo para morar em função do atendimento encontrado na rede municipal de ensino e que foi fundamental, uma vez que o próprio filho foi diagnosticado com o espectro autista e necessitaria de uma acolhida diferenciada. ‘‘E aqui, meu filho é feliz’’, completou.

Dr. Dario não escondeu sua satisfação e emoção com o momento e enfatizou que tão mais importante que cumprir uma determinação é cuidar de pessoas. ‘‘Obras são importantes. Prédios são necessários e todos querem ruas asfaltadas. Mas o mais importante é transformarmos a vida das pessoas. E é o que faremos com o Caps i, não apenas para as crianças e jovens, mas também para suas famílias’’.

O ato inaugural foi marcado pelo tradicional descerramento da placa e desenlace da fita, mas também pela dinâmica que levou todos os presentes a amarrarem uma fitinha colorida no portão que dá acesso ao prédio, desejando bom sentimentos aos que precisarem dos serviços. 

Equipe Multidisciplinar
Neste primeiro mês de abertura, o Caps i contará com quatro psicólogos, um terapeuta ocupacional, um psiquiatra infanto juvenil, um arte-educador e uma técnica de enfermagem. E tantos estes, bem como outros profissionais que se somarão à equipe, terão no próprio local, estrutura para capacitação continuada, por meio de curso EaD.

Durante as últimas semanas, enquanto o prédio passava pelas adequações finais, os primeiros profissionais contratados passaram por treinamento e capacitação, com o objetivo de oferecer atendimento para favorecer o desenvolvimento integral, a partir da identificação das necessidades dos usuários e de suas famílias, englobando diferentes dimensões, principalmente em casos onde o cuidado ambulatorial não se mostra suficiente.

Antes da implantação do Caps i, o atendimento era apenas ambulatorial com psicólogo e psiquiatra. As crianças e adolescentes eram atendidos em ambulatório de saúde mental com máxima de um atendimento semanal.

Serviço
Caps i - Casa Arco-íris
Local: Estrada da Capela, nº 2635
Autor: Rafael Faria e Victoria Sampaio
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia