Ir para o conteúdo

Prefeitura de Vinhedo e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Vinhedo
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Rede Social Whatsapp
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
ABR
26
26 ABR 2022
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Prefeito Dr. Dario e secretária de Assistência Social protocolam projeto de normatização do SUAS na Câmara
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO
Grupo de estudos orientou a elaboração da Política de Assistência Social do município, que passará a ser assegurada em legislação municipal
O prefeito de Vinhedo, Dario Pacheco, e a secretária de Assistência Social e Cidadania, Cristina Mazon, protocolaram, na segunda-feira (26), projeto de lei na Câmara Municipal que normatiza o Sistema Único da Assistência Social no Município (SUAS). As autoridades foram recebidas pelo presidente da Câmara, vereador Nilton Braguetto.

“Esse projeto foi elaborado criteriosamente com a nossa equipe de assistentes sociais e especialistas no tema de forma descentralizada, participativa e encaminhado para apreciação dos vereadores. Estaremos regulamentando os serviços realizados no campo da proteção social em Vinhedo para garantia da vida, redução de danos às famílias, à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice”, destacou dr. Dario.

A Assistência Social é um direito do cidadão e dever do Estado, instituído pela Constituição Federal de 1988. A partir de 1993, com a publicação da Lei Orgânica da Assistência Social – LOAS, é definida como Política de Seguridade Social, compondo o tripé da Seguridade Social, juntamente com a Saúde e Previdência Social, com caráter de Política Social articulada a outras políticas do campo social.

“O projeto consolida o modo de gestão compartilhada, o cofinanciamento e a cooperação técnica entre os três entes federativos que, de modo articulado e complementar, operam a proteção social não contributiva de seguridade social no campo da assistência social. O sistema organiza as ações em dois tipos de proteção social. A primeira é a Proteção Social Básica, destinada à prevenção de riscos sociais e pessoais, com programas, projetos, serviços e benefícios a indivíduos e famílias em situação de vulnerabilidade social. A segunda é a Proteção Social Especial, destinada a famílias e indivíduos que já se encontram em situação de risco e que tiveram seus direitos violados por ocorrência de abandono, maus-tratos, abuso sexual, uso de drogas, entre outros”, explicou a secretária.

O SUAS engloba também a oferta de Benefícios Assistenciais, prestados a públicos específicos de forma articulada aos serviços, contribuindo para a superação de situações de vulnerabilidade. Também gerencia a vinculação de entidades e organizações de assistência social ao sistema. “Estávamos sem avançar nessa política que é lei federal e uma exigência do Conselho Nacional de Assistência Social. É a primeira vez que todas as políticas vinhedenses para a área serão regulamentadas em lei municipal”, finalizou Cristina Mazon.
 
Autor: Ana Cândida Briski
Seta
Versão do Sistema: 3.2.3 - 06/06/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia