Ir para o conteúdo

Prefeitura de Vinhedo e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Vinhedo
Acompanhe-nos:
Rede Social Agenda
Rede Social Whatsapp
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
26
26 OUT 2022
CULTURA
Festival de Teatro de Vinhedo anuncia vencedores da 28ª edição
enviar para um amigo
receba notícias
“Sherazade e as mil e uma noites” venceu na categoria Estudantil e “O som da nossa canção” ficou em primeiro lugar na categoria Amador
O espetáculo “Sherazade e as mil e uma noites”, do Grupo Teatral Arteiros, foi o vencedor do 28º Festival de Teatro de Vinhedo (Festevi) na categoria Estudantil, e a montagem “O som da nossa canção”, da Cia. Tripé de Artes, ficou com o primeiro lugar na categoria Amador. A cerimônia de premiação aconteceu na noite desta terça-feira (25), no Teatro Municipal Sylvia Alencar de Matheus. O Festevi foi realizado entre 21 de setembro e 7 de outubro.
 
“Muito mais que um festival de artes cênicas, o Festival de Teatro de Vinhedo, o Festevi é um catalisador de talentos, de tendências culturais e artísticas, de reflexão, de formação, entretenimento e, principalmente, de encontros. Parabéns a todos os premiados e todos os participantes”, disse o prefeito Dario Pacheco. 
 
Na categoria Estudantil, a peça “Querido Evan Hansen, o musical”, do Grupo Teatral Israel Schoba, recebeu o Prêmio Especial do Júri de Adaptação de Texto, para Isabelle Dias e Regina Dias, e de Professora Nota 10, entregue para Regina Dias, responsável pelo espetáculo. Na categoria Amador, o Prêmio Especial do Júri distribuiu troféus nas categorias, Ator e Atriz Revelação, Pessoa de Teatro, Trilha ao Vivo, Construção de Personagem e Palco de Diversões. Confira todos os premiados abaixo.
 
Na 28ª edição, o Festival teve a participação de oito grupos na categoria Amador e dois na categoria Estudantil. Ao menos 160 integrantes dos grupos de teatro, entre diretores, atores e equipe técnica, participaram do evento e se apresentaram para um público geral de mais de 2 mil pessoas. A cerimônia de premiação contou com a apresentação "A música e o palhaço - Jazzclown" e do grupo de capoeiristas Capoeira Brasil, do mestre Chuck, que realizou uma exibição de capoeira circense.
 
O Festevi distribuiu troféus, certificados, valores arrecadados com a bilheteria de cada peça apresentada e prêmios em dinheiro. Este ano, o Festival trouxe uma novidade, a entrega do Prêmio Edilson Caldeira, homenagem a pessoas que contribuíram e contribuem com o Festevi, para o artista Wagner Pavarin. 
 
“O festival deste ano foi um sucesso. Tivemos o retorno da categoria estudantil, da premiação de melhor iluminação, apresentações musicais, comédia, drama e manifestações que marcaram as noites do evento. Isso nos faz refletir que o festival está cumprindo o seu propósito, formar pessoas nas mais diversas expressões que a cultura pode nos apresentar. Parabéns ao meu amigo Wagner Pavarin, que foi homenageado e representa a alma do nosso festival”, disse o secretário de Cultura e Turismo, Renato Romanetto.
 
Resultado da premiação
Júri: Malu Solimeo, Rafael D’ Alessandro e Vinícius Schiezaro
 
Categoria Estudantil 
1º Lugar: “Sherazade e as mil e uma noites”, do Grupo Teatral Arteiros 
2º Lugar: “Querido Evan Hansen, o musical”, do Grupo Teatral Israel Schoba 
Prêmio Especial do Júri: Adaptação de Texto 
Isabelle Dias e Regina Dias, com a peça “Querido Evan Hansen, o musical”, do Grupo Teatral Israel Schoba 
Prêmio Especial do Júri: Professora Nota 10 
Regina Dias, responsável pela peça “Querido Evan Hansen, o musical”, do Grupo Teatral Israel Schoba 
Sonoplastia: Isabelle Dias, com a peça “Querido Evan Hansen, o musical”, do Grupo Teatral Israel Schoba 
Iluminação: José Luciano Fernandes, com a peça “Sherazade e as mil e uma noites”, do Grupo Teatral Arteiros 
Cenografia: peça “Sherazade e as mil e uma noites”, do Grupo Teatral Arteiros 
Figurino: José Luciano Fernandes, com a peça “Sherazade e as mil e uma noites”, do Grupo Teatral Arteiros 
Ator Coadjuvante: Vinicius dos Santos Marques, na peça “Querido Evan Hansen, o musical”, do Grupo Teatral Israel Schoba 
Atriz Coadjuvante: Mariane Candido Oliveira, na peça “Querido Evan Hansen, o musical”, do Grupo Teatral Israel Schoba 
Ator: Marcos Greif Cerveira de Paula, na peça “Sherazade e as mil e uma noites”, do Grupo Teatral Arteiros 
Atriz: Rebeca Coelho dos Santos, na peça “Sherazade e as mil e uma noites”, do Grupo Teatral Arteiros 
Direção: José Luciano Fernandes, com a peça “Sherazade e as mil e uma noites”, do Grupo Teatral Arteiros 
 
Categoria Amador
1º Lugar: “O som da nossa canção”, da Cia. Tripé de Artes 
2º Lugar: “Caminho do Sol”, do Núcleo Vamos 
3º Lugar: “A gaivota”, da Cia. Meteoro 
Prêmio Especial do Júri: Ator Revelação 
Tales Henrique Alves, na peça "Sacra Folia", da Cia. Entreatos 
Prêmio Especial do Júri: Atriz Revelação 
Edyelle Brandão Santana, na peça “O som da nossa canção”, do Grupo Teatral Cia. Tripé de Artes 
Prêmio Especial do Júri: FESTELU – Pessoa de Teatro 
José Luciano Fernandes 
Prêmio Especial do Júri: Trilha ao Vivo 
Abacateiras Forró de Rabeca, na peça “Caminho do Sol”, do Núcleo Vamos 
Prêmio Especial do Júri: Construção de Personagem 
Peça “Um esboço sobre a esperança ou Esperando Godot”, da Cia. Céu Branco 
Prêmio Especial do Júri: Palco de Diversões 
Peça “SacraFolia”, da Cia. Entreatos 
Sonoplastia: a peça “O som da nossa canção”, da Cia. Tripé de Artes 
Iluminação: Luiz Henrique Figueiredo, com a peça “Um esboço sobre a esperança ou Esperando Godot”, da Cia. Céu Branco 
Cenografia: Tamires Sudário Teixeira, com a peça “Um esboço sobre a esperança ou Esperando Godot”, da Cia. Céu Branco 
Figurino: Danilo Pinheiro Coelho, com a peça “O som da nossa canção”, da Cia. Tripé de Artes 
Ator Coadjuvante: Arthur Evanil Zanelatto e Silva, na peça “A gaivota”, da Cia. Meteoro 
Atriz Coadjuvante: Livia Dias, na peça “Sacra Folia”, da Cia. Entreatos 
Ator: Márcio Esdras de Godoy, na peça “O som da nossa canção”, da Cia. Tripé de Artes 
Atriz: Beatriz Calado Bortoletto, na peça “O som da nossa canção”, da Cia. Tripé de Artes 
Direção: Caio Bonicontro, com a peça “O som da nossa canção”, da Cia. Tripé de Artes
 
Autor: Silvana Guaiume
Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia